Sexta-feira, 14 de Setembro de 2007

Desafio

     Fui desafiada pela Sol e aqui estão as minhas respostas (não estava muito inspirada, por isso…)
 
Cada pessoa escreve estes factos casuais sobre a vida.
Depois passa o desafio a sete pessoas, deixando um comentário no seu blog para que essa pessoa saiba que foi desafiada...
 
1º Dia mais triste da minha vida: há dias tristes e dias felizes. Não há nenhum que me tenha marcado quer negativa quer positivamente…
 
2º Dia mais feliz da minha vida :Idem
 
3º Manias: desenhar ou sarrabiscar, na maioria dos casos xD, em todo o sitio a qualquer hora, sonhar acordada, estar sempre a mexer com a mãos, etc etc
 
4º Filme preferido: não sou muito ligada a filmes, mas há alguns que me cativam a atenção, como foi o caso do Efeito Borboleta. (há dois fins pra esse filme, o que eu gostei foi aquele em que o rapazito regressa ao momento do seu nascimento e morre) 
 
5º Poeta preferido: humm… são raras as vezes que leio poesia, por isso não conheço muito bem esse “mundo”, mas já li alguns de Florbela Espanca que me agradaram. 
 
6º Comida preferida: não tenho nenhum específico, mas gosto muito de esparguete com ervilhas xD
 
7º Sou muito: orgulhosa, stressada, trapalhona, mimada, impaciente, mal humurada quando calha, etc!
 
8º Viagem de sonho: Japão * ¬ * lol
 
9º Gosto de: nadar, viajar, fazer e dizer disparates, ver e ouvir disparates (lol), adormecer logo que caia na cama xD, …
  
Passo o desafio:
A quem quiser x)
 
     E lá vai a rotina começar: não actualizo o blog com frequência… Sinceramente, não sei que rumo dar a este blog *suspiro*
     Amanhã (que já é hoje xD) é a minha apresentação, a minha última apresentação… espero ter alguma coisa pra contar, pois senão, até daqui a muito tempo :P lol
sinto-me: sonolenta =_=
tags:
disparatado por Emplastr@ às 00:54

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 29 de Agosto de 2007

não sei... escrevi tanto lá em baixo que já nem sei o que pôr aqui x)

Raios! Esta noite foi do pior! Eram 3h30 e ainda estava com os olhos arregalados… Deveria passar muito das 4h quando adormeci, não tinha mesmo ponta de sono, mas também não me quero viciar em medicamentos para adormecer. E ainda por cima acordei às 10h e tal… até me admira não estar com sono, vamos ver se à noite ele vem, não tenho uma noite de sono de jeito há um tempinho  ¬_¬’ E pra melhorar o dia fui à esteticista hoje. Acho que nem é preciso explicar o que aconteceu por lá, pois não? Lol Tenho esperança que um dia me habituarei àquilo *dreaming* xD Agora, o resto do post… (isto foi apenas a introdução :SSSS)

 

[como já se tornou hábito, não escrevi o resto do post hoje e sim ontem. Tive preguiça de vir aqui ao pc postar no blog… ah pois é, agora a minha irmã tem um portátil e eu prefiro escrever lá, mas como não tem net não posso postar … e pronto, acabou a minha explicação xD]

 

Ai, que estas férias vão de mal a pior! Acho que vou ter uma overdose de monopólio… sim, aquele jogo que estava muitíssimo na moda há alguns anos atrás. Eu, infelizmente, sou assim, enjoo das coisas. Nessa época joguei tanto esse jogo, que me fartei e não quis jogá-lo outra vez. Mas agora, uns primos meus vieram do estrangeiro de férias (um tem 12 e a outra 4) e chateiam-me a cabeça para jogar (ah, e eles vêm a minha casa praticamente todos os dias). Com o mais velho ainda me escapei nos primeiros dias, mas quando a pequena chegou depois não tive hipótese (acho que dá pra perceber porquê… criança --> birra --> choro --> etc xD). Eu estou simplesmente farta de os aturar… eu sei que não lido muito bem com crianças (porque não costumo poder dizer o que quero… na minha família é assim…), mas estes exageram um bocado. Já pensei pra mim mesma “logo que eles vá embora, eu vou guardar o jogo na garagem!!!” lol Eles costumam vir cá todos os dias, mas há dias, como o de ontem, que não vêm, é uma sensação de alívio enorme, mas acho que estou a ficar um bocado neurótica… porquê? Porque sempre que oiço o barulho de uma porta a bater, de uma campainha a tocar ou de passos perto da janela, passo-me e penso logo que eles vêm aí (tendo em vista que moro num complexo habitacional e isto está sempre a acontecer… já deve dar pra imaginar as minhas ceninhas xDD)

Pronto pronto, chega de lamurias (ou não õ_O xD)… A semana passada fui buscar os manuais escolares e passei-me um bocado com o preço. Só tenho 3 disciplinas e mesmo assim tive de pagar mais de 90€! O de matemática foi 33 € o de Biologia 35 e o de português 28 (o mais “normal” de todos)… Acho que é demasiado! Não me lembro da última vez que tenha comprado um livro a passar dos 30€! Ainda tive sorte pois só preciso destes 3 livros, pois caso precisasse de mais já estava a imaginar que teria de pagar uns 200€ como aconteceu no 10º ano… Lembrei-me de falar disto porque ouvi uma notícia qualquer no jornal e lembrei-me da minha situação… e ainda se queixam que o ensino vai como vai em Portugal. Felizmente os meus pais podem comprar os livros sem se queixar (muito) mas há muitas pessoas aí que lutam pra andar num ensino mais avançado do que o necessário e mesmo assim ainda têm de pagar quantias como estas em coisas tão necessárias como os manuais escolares.

Eu ia tentar não ter outro dos meus ataques de crise de idade, mas não consegui evitar! LOL eu já vou pró 12º ano! Ma god! E daqui a um ano (que passará num instante de certeza) estarei prestes a entrar numa faculdade que ainda não faço a mínima ideia de qual será :S Eu tenho que me decidir duma vez… Acho que já disse aqui que queria ir pra Med. Veterinária, mas como as notas não dão quase se certeza pra isso, comecei a pensar em alternativas e foi então que realmente pensei no que quero fazer da minha vida. Será que é mesmo veterinária que quero? Cheguei à conclusão que não sei, e que talvez nem goste muito da profissão; a ideia de estar fechada num consultório, tratar dos cãezinhos e gatinhos das titis (ok exagero xDD), de espetar agulhas, de cortar pele e de ver… sangue (*shaking*), não me agrada muito… Quero fazer algo em que tenha oportunidade de viajar, de andar ao ar livre, de estar em contacto com a natureza… e que não me canse dessa profissão claro! O que é um bocado difícil pois tenho tendência a fartar-me das coisas facilmente (já aconteceu com tudo: com jogos, com animais, com casas, com pessoas… não há quase nada que me tenha conseguido prender o interesse… é muito mau…). Estive a falar disso (das profissões) com a minha irmã e ela falou-me em alguns cursos como biologia marinha, ecologia, agronomia (foi o que me saiu no teste do 9º ano da psicóloga; fiquei a olhar prá mulher com cara de burra xDD). Mas não sei, tenho que me informar. Não quero mesmo cometer o erro de ir para a profissão errada, acho que esse é o meu maior medo agora… Estou quase a desesperar lol O pior é que acho que preciso de ajuda de alguém especializado na matéria e que me saiba aconselhar… nem psicólogos a minha escola tem, quanto mais essa espécie tão rara *_* xD

[:S isto tá a ficar grande demais…]

No outro dia fui ao hi5, já não ia lá há enes e a “Sofia” estava-se a queixar que não aceitava os comments dela e que não aceitava os convites de outras pessoas. E lá fui eu. Aquilo parece-me cada vez pior, cada vez mais… baixo. Não sei se será esta a palavra. Prova disso é o vídeo d’A Peixeira do Ai Fai, não sei se já viram #_#… e pronto, lá fui eu e aproveitei, já que não tinha mais nada pra fazer, e fui ver os hi5’s doutras pessoas. No final, acabei deprimida, como costuma acontecer sempre… Vejo a vida das outras pessoas da minha idade a ir pra frente, a ser desfrutada ao máximo, rodeada de outras pessoas, e a minha parada numa calha, sem avançar e sem suceder em nenhum sentido… E depois ainda me ponho a ver as fotos, gajas a exibir o corpo que gostam e os gajos a admirá-las… Não é que tenha inveja dos comentários que as pessoas lhes mandam, tenho inveja dessas pessoas se sentirem tão bem com elas próprias, de serem felizes, de terem amigos… é verdade, inveja, que sentimento ruim… não tenho aquele tipo de inveja doentio, nem desejo mal às pessoas, só… sei lá! Acho que cobiço o que não tenho (uhhh um pecado mortal! xDD é não é? Já não me lembro muito disso, acho que ouvi na catequese ou algo do género… mas não importa, já nem sequer me considero católica, por isso xD). Nesse dia fiquei logo como um zombie (mais ainda), vieram-me logo ideias suicidas à mente, e contos românticos trágicos (o_õ wtf? Lol, eu sei, são opostos…). E isso sim é que me deprime mais, não tenho coragem nenhuma pró suicídio (já nem penso nisso muito a sério, há uns anos atrás é que acho que me suicidaria mesmo se tivesse um pouco mais de coragem e um “veneno indolor” xDDD Whatever, isso já passou… Eu sei que isto nem vem a calhar, mas sempre que digo suicídio lembro-me do suissinho… isso ainda está à venda? xD) e nem tenho sorte pra histórias românticas (também nunca as tive e não sou uma pessoa muito romântica nem carinhosa… lol).

E então por causa do que eu contei acima, deu-me pra escrever o que se segue:

 

“Tenho saudades de ser feliz, de ser criança, de não me importar com a felicidade dos outros, de não ter inveja, de não me sentir mal por ter inveja dos outros, de sorrir e rir sem pensar se tenho alguma coisa entre os dentes, e de dizer e fazer tudo o que me vem à cabeça… quero recuar mas o tempo não deixa e continua a avançar, sem se importar com ninguém. Quero parar de escrever coisas deste género, e estar em vez disso a divertir-me a tornar-me feliz e talvez tornar alguém feliz. Basta de “quero’s”, quero isto, quero aquilo, mas não tenho nada (não? mas não vale de nada) e por isso só peço uma coisa: deixar de existir, um simples pedido?”

 

E mais uma vez disparatei esta quinta-feira, eis o que surgiu numa conversa “normal” entre a minha mãe e a minha irmã (eu tive de meter o “bedelho”):

Mãe: Olha, não te esqueças que dia 5 tens uma exame…!

Irmã: Não, são dia 4 e 6!

Eu: Exame? Aonde? À parreca? (ok, dêem-me um desconto, estava calor nesse dia -.-‘’ lol)

I: Oh! Inocente! Não, não é!

E: Às mamas?

I: (wtf? õ_O) não…

E: então aonde??

I: Olha, no cu!

E: (grande gargalhada) a sério? (estava mesmo a acreditar…*blushing*)

_Comecei a escrever uma sms pra mandar a várias pessoas a gozar com ela_

I: qué que ‘tás a dizer?... é exame da faculdade! (dah! xD)

E: Oh, a sério?

I: Achavas mesmo?

E: … tu lá sabes onde tens o cérebro…

 

E assim acabou a conversa… mais uma vez digo, não tentem perceber a piada ¬_¬’’

sinto-me: fresh(acabei d tomar banhoxD)
música: azeite de discoteca num carro a ser aspirado…
disparatado por Emplastr@ às 20:28

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sábado, 18 de Agosto de 2007

Passeio "lojístico" (palavra inventada, eu sei xD)

[Este post foi escrito ontem, e também deveria ter sido postado ontem no blog, só que a net passou-se e não deu… Por isso, finjam que ele foi posto aqui ontem por volta das 22h, ok? Lol]
 
 
                Um dia eu tinha de sair de casa nestas férias não é? Pois bem, esse dia foi hoje, fui passear pelas ruas do Porto (lalalala xDD) com a minha colega/amiga “Sofia” (nome fictício). A tarde começou bem, entrei no comboio certo (lol), e encontrei-a logo que entrei no quim (estar sempre a dizer comboio é aborrecido :P), pois ela tinha entrado numa paragem antes da minha. Tivemos a falar e tal (com o fedor a suor dum gajo que estava à nossa beira ¬¬), chegámos à estação de S. Bento e, equipadas com o nosso mapa pra não nos perdemos (o meu sentido de orientação é meu, e o dela não é muito melhor xD)e demos início ao nosso longo passeio eheh x). Fomos primeiro à Rua de Cedofeita (não sei se leva o “de” O_õ), percorremos as lojas, e houve uma que me captou a atenção: a “Bijutice” (acho que não me enganei no nome). É uma loja que vende coisas da nici, da Pucca, da Betty Boop, coisas fofas ‘tão a ver? Oh, eu sei que já devia ter juízo, afinal já tenho praticamente 17 anos, mas eu perco-me com estas coisas tão fofis! Apetecia-me comprar tudo! Lol… Acabei por comprar uma carteira pequenina que já andava pra comprar há um tempito, mas depois reparei que da mesma colecção havia uma bolsa pra pôr à volta da anca! (agora ando com a tara dessas bolsas… a verdade é que são mais práticas do que as de ombro e as de tiracolo, julgo eu) Foi pena ser um bocado cara (16€ pra mim é! xD) e eu não ter muito dinheiro e estar a pensar comprar outras coisas, senão eu comprava-a! xD Mas não faz mal, já estou a programar outra ida ao Porto LOL
Estávamos quase no fim da Rua de Cedofeita quando reparamos que só tínhamos mais uma hora até termos de ir embora e nem sequer tínhamos ido à rua de Santa Catarina e nem tínhamos comido gelado! xD É quase um ritual para aquela rapariga quando saímos comprar gelados, e eu vou atrás, claro! xD No fim, mal vimos as lojas porque ela apaixonou-se por uma bolsa e teve prai 10 min num dilema “levo ou não levo?!?”… “A minha mãe vai-me matar!... devia procurar qualquer coisa pra oferecer à minha prima e umas coisas pra um casamento que vou!” Eu lá a convenci a comprar x’D
Depois viemos para a estação, estávamos uns 7 min. adiantadas por isso nada de pressas, até que, 5 min. antes da partida do quim ela me diz:
- Olha, não devíamos comprar bilhete?
*Fiquei a olhar com cara de parva pra ela* - Tu não compras-te bilhete de ida e volta???
- Não!... E agora?!
Corremos pra máquina, estavam 3 pessoas à nossa frente e eu já me estava a passar. Lá chegou a nossa vez, eu marquei o destino e ela meteu as moedas… só que uma das moedas de 1€ caía sempre! Tentámos um monte de vezes mas ela caía sempre, cancelamos e tentamos com notas mas a máquina rejeitou sempre! Com o desespero, decidimos ir pró comboio. Como nunca me tinha acontecido tal coisa, pensei, na minha inocência, que se o pica a apanha-se ela tinha que pagar o preço desde o início da linha, que era precisamente S. Bento, e que se houvesse multa não seria mais de 10€. Quando ele chegou, ela explicou-lhe a situação. Ele ainda teve a pensar por uns momentos e depois deixou passar e tirou-lhe um bilhete. (quando cheguei a casa e a minha irmã disse que a multa podia chegar aos 75€ quase me dava um treco…)
O resto da viagem foi tranquila (tirando uns gajos com um rádio nas alturas com música pimba e azeite -.-‘) e no fim, quando era a minha paragem despedi-me dela e dirigi-me pra porta meia distraída (estava a pensar numas coisas que ela me tinha acabado de contar), mas fui prá porta errada! Tipo, apercebi-me numa questão de poucos segundos que estava errada, mas, surpreendida pelo meu erro (é sempre pela porta do outro lado que se sai na minha estação) gritei um “Oi!” e fui pró outro lado. Quando olhei para a “Sofia” ela estava-se a desmanchar a rir… Rui-se de mim quando eu caí e agora por eu me ter enganado! É mesmo má! Lol, só me apetecia enfiar um saco na cabeça ou meter-me num buraco bem escuro… :(
Ah é verdade, eu não vos contei do tombo pois não? Estávamos a descer os Clérigos pra ir prá estação quando eu tropeço naquela espécie de passeio e dou um alto trambolhão! A minha colega veio logo à minha beira e duas senhoras que estavam atrás de nós vieram logo acudir-me “ai, está bem?! Pois, este degrau mal se nota!”. Eu amparei logo os meus óculos que me estavam a fugir da face (lol), levantei-me e disse que estava tudo bem. Com a atrapalhação toda nem agradeci às senhoras… Claro que depois de ver que eu estava bem a “Sofia” desatou-se a rir (se bem que se fosse eu desmanchava-me a rir com ela ainda estatelado no chão) … Só me apetecia morrer! Buah! Estava mesmo numa maré de azar… Depois do tombo, estávamos a passar pelo Teatro Sá da Bandeira enquanto eu não parava de dizer “… ‘tou cum azar pah! fogo, tu vais ver, vou passar por alguém e…” olho pro lado e uma das havaianas duma mulher tinham-se acabado de arrebentar e ela “oh não!”. Então virei-me logo prá Sofia e disse, “’tás a ver?! Eu atraio o azar! Isto é uma prova irrefutável!...” E depois ainda aquela do bilhete… Eu só atraí azar mesmo, estou num dos meus dias mais azarentos do que o costume. Mas o dia ainda não acabou, por isso… lol
Bem, ainda tinha mais algumas coisas pra contar, mas fica pra próxima, o post já está demasiado grande o.O
               
[Felizmente o dia acabou bem eheh =D lol]
sinto-me: ... não sei
disparatado por Emplastr@ às 16:27

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 9 de Agosto de 2007

E mais um testamento fresquinho!

Eu tento… a sério que eu tento actualizar o blog com frequência, mas parece que aparece sempre um obstáculo qualquer pra que eu não o faça. Como se não me tivesse bastado ter ficado sem PC durante uma semana, desde que ele veio a net não tem andado muito boa… Ou seja, sempre que eu vinha ao blog, e estava prestes a começar a escrever um post, a net caía… Enervei-me tanto! Tiveram que vir cá uns técnicos da TVcabo e ainda tive de lhes telefonar outra vez depois disso! Felizmente, a net está melhorzita, apesar de ainda não dar muitas páginas, de ser lenta e de cair muitas vezes…
Pronto, explicações aparte, o que tenho eu andado a fazer? Nada, como era de prever, né? xD Tive pra ir ver o filme d’Os Simpsons com uma colega minha, mas os horários das sessões e dos comboios eram incompatíveis pra nós e eu não estava com muita vontade; por isso, não nos chegamos a encontrar nem eu saí de casa -.-‘
Tirando isso, nas minhas queridas e ocupadíssimas férias fui ver o novo filme do Harry Potter (que, confesso, desiludiu-me um bocado por causa da alta expectativa que eu criei em volta do filme [não sei bem porquê ^^”]) e fui ao Porto de propósito pra comprar uns mangás xD Chamem-me maluca, mas gastei 55€! (comprei 7 volumes) Epa, como algumas pessoas não resistem a um par de sapatos, a uma peça de roupa, a um jogo ou a qualquer outra coisa, eu não me consigo controlar quando estou a comprar livros, especialmente mangás. Porquê? Humm… é que eles lêem-se tão rápido e ficam em cada situação de suspense…! LOL A minha irmã ficou ligeiramente chocada (já nada lhe choca muito quando se fala em mim…), mas eu já não dava uma prenda a mim mesma há muito tempo!
Epa, eu agora olhei para aquilo, eu tenho aquele quiz há séculos! Tenho que dedicar um post a ele e pôr outro fresquinho duma vez…
Acho que também vou começar a postar aqui uns desabafos meus, que costumo rabiscar quando estou um tanto taciturna ou, até, quiçá, quando estou feliz da vida (mas esses serão raros, certamente xD) Com isto não pretendo que os comentem nem nada do género… é só mesmo um desabafo solto, pró ar, e maior parte das vezes sem sentido, ‘tão a ver?
Aqui vai este, que escrevi ainda esta semana, mas não me lembro bem do dia…:
 
Aquela cara… Não sei de quem é e nem como aparece no espelho. Não a conheço de lado nenhum e nem sequer gosto muito do ar dela. Mete-me nojo só de lhe olhar… Mas mesmo assim, porque é que ela insiste tanto em aparecer no espelho?
Bom, não nos damos muito bem, mas parece que tenho de conviver com aquela figura. Uns dias estamos muito zangadas (o que acontece regularmente) e noutros… somos indiferentes uma à outra. Porém, apesar de tudo, eu fico à espera do dia em que nos comecemos a dar melhor e, talvez, até comecemos a nos apreciar uma à outra.
 
Mas como nem tudo pode ser negativo, acho que também vou começar a postar as minhas piadas secas ou adivinhas… Porquê? Porque estou sempre a mandar piadas secas (é-me inato xD) e já me disseram que são do mais seco que há (humm… elogio ou ofensa? xD). Por favor, se não perceberem não há crise, é o que acontece normalmente… digamos que tenho uma mente um tanto anormal… xDD
               
Vira-se a banana pra maçã:
-- Ui, não abuses senão levas já com o meu marido!
 
(eu e a minha prima estávamos na brincadeira. Eu tinha-lhe dava uma pancadinha na cabeça e dito alguma coisa e ela disse: )
-- Ei! ‘Tou a ser agredida fisicamente!... e verbalmente também!
(E eu:)
-- Ui, mas eu não disse nenhum verbo!
 
Bem, sem comentários… até à próxima! ;D
sinto-me: cheia de calor
disparatado por Emplastr@ às 19:27

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

"mais sobre mim

"Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

"links

"Desabafos arquivados

" Setembro 2007

" Agosto 2007

" Julho 2007

" Abril 2007

" Março 2007

" Fevereiro 2007

" Janeiro 2007

" Dezembro 2006

" Novembro 2006

" Outubro 2006

" Setembro 2006

" Agosto 2006

" Julho 2006

blogs SAPO

"subscrever feeds